Ex-libris do Instituto Superior de Agronomia, este palácio de esrutura em ferro e vidro foi projectado pelo Arquitecto Luís Caetano de Ávila para a 3ª Exposição Agrícola de Lisboa, em 1884.

É actualmente utilizado para a realização de eventos sociais e culturais, possuindo uma capacidade de até 1000 pessoas. Dispõe de estacionamento próprio e de espaços ao ar livre para apoio de actividades de exterior, incluindo um jardim com uma fonte romântica e uma magnífica vista de fundo sobre o rio Tejo.